segunda-feira, 19 de novembro de 2012

MUITAS BOAS LEMBRANÇAS

Estou em ritmo de despedida da Finlândia...é um processo que me traz momentos de saudosismo, uns poucos de tristeza, outros de muitas boas lembranças desses últimos 3 anos e 4 meses e outros pouco de ansiedade. Tudo normal e muito bom poder vivenciar esse momento com leveza e muito, mas muito agradecida a Deus e às pessoas que tornaram esse presente possível. Esses foram tempos maravilhosos em que pude estar só comigo mesma, me conhecer melhor, ampliar horizontes, visões de mundo e conhecer diferentes pessoas de diferentes culturas, de diferentes idiomas...com certeza, uma experiência única e muitíssimo rica. Sem contar que este país encanta por si só! Levarei também as lembranças dos zilhões de passeios e das poucas, mas belas viagens que fiz por essas bandas.


Só tenho mais duas semanas aqui, pouco tempo para me desfazer (novamente) das coisas ... não digo mais das minhas coisas...são tão efêmeras! Hoje estão aqui me servindo e amanhã já estão nas mãos de outra pessoa ou extintas num lixo qualquer. Pouco tempo para curtir a cidade, me despedir dos poucos amigos e das muitas pessoas com quem convivi e que deixarão muito boas lembranças. Esse post é uma homenagem a cada uma delas.


Aqui nesse post irei acrescentando a cada dia, durante essas duas semanas que me restam na minha Finlândia, uma pequena compilação de fotos de cujos momentos estão todos gravados nas minhas mais que agradáveis lembranças e que compartilho agora com vocês.


Um abraço a todos!










sexta-feira, 2 de novembro de 2012

DICAS DE MÚSICA DA FINLÂNDIA

Para quem tem Facebook e curte música de bandas e artistas finlandeses aqui está uma página:

https://www.facebook.com/MusicFromFinland

domingo, 7 de outubro de 2012

WETLAND - UM FILME SOBRE KALEVALA


Masha Salangina, artista visual e Butoh-dançarina russa radicada na Finlândia, produziu juntamente com o finlandês Osku Leikonen este curta-metragem inspirado no poema épico KALEVALA compilado por Elias Lönröt que retrata o folclore oral e mitológico finlandês e carélio.

Sobre este filme Masha Salangina escreveu:

"The idea to make the film Wetland was inspired by The Kalevala -- epic poetry compiled by Elias Lönnrot from Finnish and Karelian oral folklore and mythology. It is regarded as the national saga of Finland. My motivation to explore Kalevala was my great passion to learn and understand Finnish culture through myths and legends, where the wisdom of ancestors is preserved. "To know your future, you should learn your past "-- this is the ultimate goal of my work; to be "here and now", to widen the boundaries of experimental film genre and enrich the art of cinema." Masha Salangina

Tradução livre:

A idéia de fazer este filme "Pântano" foi inspirado no Kalevala - poema épico cimpilado por Elias Lönröt a partir do folclore oral e mitológico finlandês e carélio (Carélia - região hoje dividida entre Finlândia e Rússia por causa da guerra, que tem uma cultura toda própria e original). O Kalevala é considerado a saga da Finlândia. A minha motivação em explorar o Kalevala foi a grande paixão que senti por aprender e entender a cultura finlandesa, por meio de seus mitos e lendas, onde a sabedoria ancestral é preservada. "Para conhecer seu futuro, você deve aprender sobre seu passado" - essa é a meta principal do meu trabalho; ser "aqui e agora", amplia os limites do filme experimental e enriquece a arte do cinema. Masha Salangina



sábado, 8 de setembro de 2012

A BELEZA DA NATUREZA E DO SILÊNCIO

Finlândia, o país dos 180.000 lagos, um país hoje verde que foi quase que totalmente reflorestado há muitos anos atrás e tem hoje uma cultura e política agressiva e comprometida seriamente com a sustentabilidade. A redundância é proposital, pois muita gente diz que é comprometida, porém fica só na propaganda.

Finlândia é o país do silêncio. Barulho é intolerável. Quando há necessidade, sempre pede-se autorização aos incomodados. As construções contém entre suas paredes, além do impermeabilizante térmico, o sonoro... e por lei... tão sério é levado o assunto aqui! E como o silêncio faz um bem enorme! Em minha casa escuto apenas os ruídos e sons que quero e não os impostos por vizinhos barulhentos. Isso aqui não existe. Isso contribui e muito para a qualidade de vida...tranquilidade, paz, sossego.

Hoje aqui está um belo dia de sol, apesar do frio do outono que já nos obriga a usar casacos e, então, ofereço a vocês essas belas imagens da Finlândia ainda no verão. Bom final de semana a todos!



segunda-feira, 16 de julho de 2012

AS BIBLIOTECAS FINLANDESAS

Amo viver na Finlândia por vários motivos...cidades verdes sem poluição sonora, visual ou do ar, a segurança de uma vida tranquila sem sobressaltos, dentre outras coisas. Mas, também por causa da organização. Aqui tudo funciona, é organizado, há respeito por cada cidadão, pensa-se as cidades, com todos os seus serviços e equipamentos, como um lugar bom para todos e acima de tudo que tudo funcione eficientemente com o mínimo de burocracia (e ainda há quem reclame - brasileiros que adoram reclamar por reclamar). Tudo aqui é fácil de se usar: transportes, serviços oferecidos facilmente pela internet, serviços de saúde, locais de esportes, escolas, etc. E esse post, escrito a pedido de uma leitora, é sobre as bibliotecas integradas da Região Metropolitana de Helsinki - Helmet (cidades de Helsinki, Espoo, Vantaa e Kauniainen)...um exemplo de prestação de serviços com eficiência e qualidade.

O sistema das bibliotecas aqui é espetacularmente eficiente e fácil. Não é à toa que os finlandeses, desde pequeninos, estão entre os que mais lêem no mundo...simplesmente porque é muito fácil o acesso além de ser sempre muito estimulado: pelo exemplo dos próprios pais, nas famílias, nas escolas, entre amigos, a vida toda. Nas casas de cada finlandês há armários e armários entupidos de livros.


Os espaços físicos das bibliotecas em Helsinki são super convidativos à leitura. Além da boa orferta de livros para adultos e crianças, há cds de músicas, dvds de shows e filmes, jornais e revistas atuais de toda a Finlândia e principais do mundo, há ainda computadores linkados à internet, salas de estudo, mesas para leitura/estudo, cadeiras e poltronas confortáveis.



O eficiente sistema de empréstimo estimula e muito. Primeiro adquire-se gratuitamente um cartão digital em qualquer umas das bibliotecas da cidade e registra-se uma senha. Pode-se pegar livros inclusive best sellers, cds ou dvds na própria biblioteca e o usuário, com seu cartão da biblioteca, faz os registros de empréstimo em uma máquina leitora de código de barra que emite um recibo do que você está levando e prazos de devolução. As máquinas leitoras são do tipo "touch-screen" e têm a opção de uso em finlandês, sueco (para quem não sabe é língua oficial na Finlândia juntamente com o finlandês) e em inglês.

Na internet há um site único das Bibliotecas - Helmet. Nesse site há todas as informações individuais (acessível por senha) para consulta e alteração: dados pessoais, listas de empréstimos com prazos de devolução, consultas, pode-se criar listas e favoritos, comentar e dar pontos (1 a 5 estrelas) para cada protuto, débitos, etc.



Por meio do site pode-se também pegar emprestado qualquer item oferecido pelas bibliotecas. Encontra-se o que se deseja por meio de uma ferramenta de busca, coloca-se na lista de desejos e informa-se em qual das bibliotecas da cidade se quer receber os items solicitados. E aqui em todos os bairros tem uma ou mais bibliotecas que são meio padronizadas. Como default o sistema sugere uma biblioteca já próxima do endereço de residência que pode ser alterado pelo usuário a cada solicitação de empréstimo. Quando o livro chega à biblioteca solicitada, geralmente no máximo em uma semana, é emitido um aviso (por e-mail ou por sms). Por esse serviço de solicitação via internet paga-se € 0,50/item!



O prazo de empréstimo é de 30 dias que podem ser renovados por mais duas vezes (total de 90 dias) em qualquer uma das bibliotecas ou pelo mesmo pelo site. Uma facilidade imensa! A devolução pessoalmente também pode ser feita nas máquinas leitoras. O pessoal de atendimento émuito prestativos e ajudam em qualquer pesquisa sobre itens procurados.

Sou frequentadora usual das bibliotecas aqui...adoooro!

Aqui no post estão algumas fotos das bibliotecas da região metropolitana de Helsinki. Essas fotos são da Kirjasto Helmet no Flickr.




sexta-feira, 9 de março de 2012

MÚSICA BRASILEIRA EM FINLANDÊS

Essa eu tinha que compartilhar com vocês...descobri hoje, por acaso...
Olhem só, aliás, ouçam, várias músicas brasileiras em versão finlandesa e interpretadas por finlandeses. O nome do grupo não poderia ser mais original: Maria Gasolina rsrsrsrsrsrs

Aqui vão alguns links para vcs curtirem...

Luz de Tieta - Tietan valo




Maracatu Atômico - Nykyaika




Baby (Gal Costa) - Baby


Na rua, na chuva, na fazenda - Kadulla, ateessa ta landella


Carro Velho (Ivete Sangalo) - Vanha auto


Alô, alô marciano! - Haloo haloo marsilainen



quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

ITSENÄISYYSPÄIVÄ

Ontem foi comemorado o dia da Independência da Finlândia.

Entre várias cerimônias e cultos luteranos por todo o dia, em memória dos que perderam suas vidas para defender o país e sua liberdade, à noite são finalizadas com uma grande festa no Palácio Presidencial que é transmitido ao vivo para todo o país e de onde saem todo tipo de comentário sobre os convidados, e os mais variados possíveis, principalmente sobre vestidos, penteados, etc etc etc... Mulheres e seus vestidos, os mais bonitos, são assunto de reportagens, capas de revistas e jornais. Os mais comentados:

- Teija Vester esposa de Peter Vester, o CEO da Rovio, a empresa do jogo Angry Birds. Seu vestido é inspirado no jogo. (Foto: http://mynokiablog.com/2011/12/06/rovio-ceos-wife-wears-beautiful-angry-birds-dress-at-finlands-independence-day-celebrations/ - sem autoria)


















 
- Cantora Jenni Vartiainen: entrevista e foto (mais abaixo do vídeo)


Não sei se no Brasil vocês conseguem acessar os vídeos da Yle - TV Finlandesa.Vejam aqui.

Garimpando no Google, encontra-se muito mais.

UMA BRASILEIRA DE BELA VOZ EM HELSINKI

Esta é Fabiane Laube.
Uma brasileira de bela voz nos representando belamente:


terça-feira, 6 de dezembro de 2011

A PRIMEIRA TÍMIDA NEVE DE 2011

Esperamos, esperamos e, enfim, a primeira neve caiu ontem à noite. Mas tão tímida! Qualquer pisada sobre ela e lá se foi. rsrsrsrsrs

Também foi o primeiro dia que o termômetro foi um tuquito abaixo de zero.

O inverno esse ano está com uma preguiça!

terça-feira, 27 de setembro de 2011

MÚSICA DE NINAR FINLANDESA

Recebi pelo twitter @finnishforkids essa canção de ninar finlandesa ainda cantada nos dias de hoje, que tem origem nos contos épicos finlandeses do Kalevala os quais remontam à Idade do Ferro ainda. São lindas, a canção e a apresentação dessa menina, chamada Viola Uotila cantando e tocando Kantele (pronuncia-se kântele) que é um instrumento finlandês de cordas antigo e da mesma família das liras. Detalhe: as crianças finlandesas desde pequenas, em geral, são estimuladas a cantarem e tocarem instrumentos...inclusive nas escolas elas têm aulas de música e aprendem a tocar algum instrumento.



LENNÄ LEPPÄKERTTU

Lennä, lennä leppäkerttu,
ison kiven juureen,
Lennä leikkikedon kautta
unipuuhun suureen.

Kulta-kultalehden alla
äiti puuron keittää.
Unituutu leppäkertun
lämpimästi peittää.

Laula, laula, unilintu,
tuoksu, tuomenterttu.
Nuku, punapaitulainen,
pikku leppäkerttu.


VOA JOANINHA
Tradução livre feita por mim

Voa, voa joaninha
Para baixo da grande pedra
Voa através dos campos
Para a grande árvore do sono

Embaixo da folha dourada de ouro
Mamãe cozinha mingau
Nina o sono joaninha
Coberta bem quentinha

Canta, canta, pássaro do sono,

Perfume, cachos multicoloridos
Dorme, casaca-vermelha
Pequena joaninha.


domingo, 18 de setembro de 2011

ONDE IR A PARTIR DA FINLÂNDIA

Como prometi no post anterior "Turismo no frio em Helsinki" vou deixar aqui algumas dicas de viagens imperdíveis para quem vem para essas bandas.

Infelizmente viajar dentro da Finlândia é muuuuito caro, e por isso, optei por conhecer outros países aqui mais próximos e que fica bem mais barato. Por isso, ainda não tenho referências pessoais de viagem às mais importantes cidades finlandesas.

Estou colocando os links de onde conseguirem melhores e atualizadas informações... preços, promoções, pacotes, etc, sempre sofrem alterações. Então, por favor, busquem informações mais atualizadas nos links, ok?

Daqui de Helsinki, aconselho aproveitarem para conhecer também Suécia, Estônia e Rússia (podendo estender para Noruega, Dinamarca, Lutuânia e Letônia), pela proximidade e pelo custo, e ainda porque brasileiros não precisam de visto (por tratado existente atualmente, cidadãos brasileiros não precisam de visto para viajar dentro da área Schengen - comunidade européia) e podem ficar até 90 dias nos países de Schengen sem visto, como também há um tratado entre Brasil e Rússia para isenção de visto com intenção de turismo apenas - para tirar dúvidas consulte sites das embaixadas do Brasil nos respectivos países). Mesmo assim, é importantíssimo na imigração, junto com o passaporte ter os vouchers de viagens - passagens, hotéis, onde ficar hospedado, etc. para apresentar se for pedido - e geralmente pedem.

PARA ONDE IR

* TALIN NA ESTONIA - Capital da Estônia que fica somente a 2:30h de navio daqui de Helsinki. Dá para ir de manhã cedo, conhecer durante o dia e voltar à noite.Talin é uma pequena cidade linda que mantém seu estilo medieval nas construções e muralhas.

Navios para Talin (são excelentes e baratos) - ida e volta de cruzeiro não é necessário ficar em cabine (2:30hs somente cada trecho)

- Tallinksilja - Preço no navio Tallink Shuttle Star & Superstar (ida e volta no deck - sem cabine): http://www.tallinksilja.com/en/productsAndPrices/cruises/hel-tal/dayCruise.htm

- Tallinksilja - Preço no navio Baltic Princess (ida e volta em cabine): http://www.tallinksilja.com/en/productsAndPrices/cruises/hel-tal/bPrincessCruise.htm

- Tallinksilja - Tours: http://travelclub.tallink.com/en/tab1/excursionsTallinn/default.htm

- Eckerö Line  - Preço cruzeiro (ida e volta com ou sem cabine):http://www.eckeroline.ee/en/document.aspx?docID=567

- Viking Line  - Preço cruzeiro (ida e volta com ou sem cabine):http://www.vikingline.fi/timetables/prices/cruises/hel_tal_hel.asp

ESTOCOLMO - SUÉCIA

* Navios de cruzeiro para ESTOCOLMO - ida e volta de cruzeiro +/- 15hs de viagem por trecho - Sai de Helsinki às 17 horas, chega em Estocolmo de manhã, passa-se um dia por conta própria na cidade conhecendo os lugares principais e volta-se de Estocolmo no mesmo dia às 17 horas. Os preços são bons e os navios da Tallinksilja são excelentes.

- Tallinksilja - Preço cruzeiro (ida e volta em cabine): http://www.tallinksilja.com/en/productsAndPrices/cruises/hel-sto/
- Tallinksilja - Hotéis em Estocolmo - promoção c/ ida de cruzeiros pela tallinksilja: http://www.tallinksilja.com/en/productsAndPrices/hotelPrices/Sweden/stockholmHotels.htm
- Viking Line  - Preço cruzeiro são mais baratos mas o navio não é tão luxuoso (ida e volta em cabine): http://www.vikingline.fi/timetables/prices/cruises/

SÃO PETERSBURGO - RÚSSIA Distâncias daqui de Helsinki: uma hora de avião, 3:30hs de trem de velocidade (Allegro) e umas oito horas de ônibus. São Petersburgo é uma cidade belíssima e vale despender pelo menos três dias para conhecer. É uma cidade ao melhor e fino estilo europeu, cheia de canais, de uma riqueza de arquitetura, prédios, pontes. Não deixar de conhecer: Complexo de cinco edifícios do Museu Hermitage (comprar ingressos antecipados e dispensar um dia todo para visita), a igreja do Coração do Sangue Derramado (por fora e por dentro), a Fortaleza de São Pedro e São Paulo, fazer um tour pela cidade de ônibus e de barco pelos canais, e nos arredores da cidade conhecer pelo menos o Palácio e seus jardins do Imperador Peterhof e o Palácio e seus jardins da Imperatriz Catarina. Escolha hotéis bem próximos, por exemplo, ao Museu Hermitage. Os russos são meio ao estilo brasileiro...não muito claros nas informações. Pesquise e olhe em mapas. Na Rússia é necessário ter cuidado com batedores de carteiras. Andam às vezes em grupos de dois ou três, lhe dão um esbarrão, enquanto outro lhe rouba carteira ou o que estiver ao alcance. Nada comparado à violência que vivemos no Brasil.

MOSCOU - RÚSSIA Distância de trem de velocidade de São Petersburgo para Moscou se não me engano foi umas quatro horas ou em torno disso. Então, se for a São Petersburgo não deixe de ir a Moscou. Vale a pena demais também. Fiquem em algum hotel encostado na Praça Vermelha. Vale demais conhecer além da Praça Vermelha, a bela Catedral de São Basílio, o Kremlin, o Museu de História, o belíssimo shopping Gum e outros prédios todos ao redor da Praça Vermelha, não deixar de conhecer as estações de metrô que são conhecidas por suas belíssimas e diferentes tipos de arquitetura e artes e façam um tour pela cidade...mapa na mão, mesmo em russo rsrsrsrsr ajuda um bocado (aliás, em qualquer cidade que se queira conhecer).

OBS.: Antes de entrar na Rússia é entregue pela companhia (avião, trem ou ônibus) um pequeno papel em duas vias que deve ser preenchido e mostrado na imigração quando se entra na Rússia - eles ficam com uma via). A via desse papel que fica com você não deve ser perdido em hipótese alguma enquanto estiver na Rússia (dá um problemão dos diabos, envolvendo, explicações, embaixada e pagamento de taxas para fazer outro), porque esse papel você deverá entregar na imigração quando sair da Rússia. 
É costume na Rússia os hotéis reterem o passaporte por algumas horas depois do chek-in para copiar e enviar à imigração. Alguns, também os retém durante a estadia no hotel como garantia de pagamento de consumo ou com assinatura de fatura de cartão de crédito num determinado valor. Depende do hotel.

* CRUZEIRO HELSINKI - ST. PETERSBURGO
- St. Peters Line - Preço cruzeiro (ida e volta em cabine - cada trecho leva em trono de 12 horas, salvo engano): http://www.stpeterline.com/en/Prices/Roundtripcruise.aspx
- Tours - http://www.stpeterline.com/en/CityTours/Pricefortours.aspx

* TREM (ALLEGRO) DE ALTA VELOCIDADE DE HELSINKI P/ST PETERSBURGO (3:30hs de viagem cada trecho de ida ou de volta)
- sobre o trem: http://www.vr.fi/en/index/ulkomaat/venaja/palvelut_junissa/allegro.html
- Preços: http://www.vr.fi/en/index/ulkomaat/venaja/palvelut_junissa/allegro/palvelut_junassa_5_10.html

* TRECHOS FEITOS EM AVIÃO - consegue-se, com antecedência, preços que valem muito a pena e leva-se menos que uma hora de viagem. Pode-se pesquisar preços no E-dreams (http://www.edreams.pt/)  ou nas próprias companhias aéreas.


DICAS DE VIAGEM:

- Programe tudo com muita antecedência. Viagens a países exteriores implicam em custos acima do que estamos acostumados, então vale poder tirar o máximo de proveito em todas as questões: custos, programações, tempo, refeições, clima... pesquise tudo o que puder!
- Verifique se há necessidade de visto para entrada em determinado país...os tratados podem mudar
- Veja as exigências de vacinas um mês antes de viajar.
- Tenha seguro de viagem por todo o período que estiver fora de seu país de origem.
- Preste atenção no seu bilhete de viagem quanto de peso em bagagens vc pode levar. Há companhias na europa que dão ZERO de bagagens e até 8 kilos de bagagem de mão, tendo-se que pagar à parte, como no caso da Air Baltic. Essa é uma questão que varia de uma companhia para outra. Se ligue!

- Compre entradas em museus disputados e apresentações artísticas com antecedência. Geralmente pode-se comprar direto nos sites respectivos, a partir do seu país origem, imprime-se o voucher ou os tickets ou recebe-se os tickets onde e quando vc determinar...dependendo do serviço oferecido pelo site. Pesquise!

- Sempre tenha à mão dos contatos e endereço de onde vc está hospedado.
- Tenha sempre à mão o mapa da cidade que você está visitando e, de preferência, marcado o local onde você está hospedado. Mapas da cidade você geralmente encontra gratuitamente nos aeroportos, estações de trem, terminais de ônibus intermunicipais, e mesmo nos hotéis.

- Cuidado onde guarda seu dinheiro, passaporte e documentos. Não viaje desnecessariamente com coisas de valor.
- Vale contratar city-tour porque aprende-se muito sobre os locais e a história do lugar, mesmo que depois você vá por conta própria conhecer com mais calma os que mais lhe interessaram.
- Pode-se conhecer uma cidade apenas com um mapa na mão e vontade de caminhar (mas sempre tenha fácil os dados de onde você está hospedado). É um tipo de turismo muito interessante e cheio de boas surpresas, embora não se tenha certeza de conhecer o principal e nem se poder saber mais sobre o local como quando há um guia.
- Para visitas a museus disputados e palácios vale contratar tour-guided. Alguns deles disponibilizam, mediante pagamento, aparelhos na recepeção. Consulte os respectivos sites e informe-se.

- Na Rússia há batedores de carteiras. Fique ligado! Nada como a violência brasileira, mas ter roubado seu dinheiro, docs, passaporte etc na Rússia não é uma experiência nada animadora. Cuidado!
- Os russos em geral não falam inglês ou se falam, falam bem mal. Há muitos que nos recebem simpaticamente, mas não é difícil encontrar pessoas grosseiras em atendimentos de serviços.
- Na Rússia NÃO EXISTE táxi com máquina de preço a pagar (ui! tô esquecendo português - não lembro do nome). Então, se precisar de táxi, CONTRATE ANTES o preço. Já vi uma turista desavisada ter que pagar 60 euros por uma viagem de apenas 100 metros - isso mesmo! Então cuidado! Fora esses detalhes, a Rússia é linda, soberba, maravilhosa, com uma história e arquitetura ricas de contradições.



ALGUMAS AGÊNCIAS DE VIAGENS:


AGÊNCIAS DE VIAGENS (MAIORIA FINLANDESAS) E ALGUNS PACOTES DE TURISMO - a única que conheço por ter usado os serviços é a Tchayka - recomendo!

1. Tchayka é uma operadora no Brasil para viagens à Rússia - Já viajei por ela para a Rússia (São Petersburgo e Moscou). Recomendo. http://www.tchayka.com.br/

2. Travelstar - http://www.travelstart.fi/
veja "Parhaat hinnat - lennot ja hotelli" = os melhores preços de Vôos e hotel

2. http://www.norwegian.com/en/ (Botei já a opção para a página em inglês)
Este site é de uma companhia aérea da Noruega que tem oferecido preços em promoção bem mais abaixo que os de mercado. Atua na Europa. No site há ofertas também de viagens incluindo hotéis.

3. http://www.kalevatravel.fi/ - agência de viagens finlandesa e algumas promoções (clique no botão para língua inglesa do lado direito em cima)

4. http://www.eticket.fi/ - agência de viagens finlandesa virtual e algumas promoções

5. Tour (a partir de Helsinki): São Petersburgo, Riga, Tallin 6 dias/5 noites: http://www.primatours.fi/travel/fi/TOURS-IN-ENGLISH-1-381/ST.-PETERSBURG-RIGA-TALLINN-3-135.html

6. http://www.lomamatkat.fi/ - agência de viagens e algumas promoções

7. http://www.tjareborg.fi/kaupunkimatkat - agência de viagens e promoções para alguns destinos (vôos e hotel)

8. http://www.travelavenue.com.br/ - site em português também com dicas de hotéis, restaurantes, etc de muitos destinos turísticos no mundo com opinião dos viajantes.

É acho que é isso! 
Hoje com a internet ficou muito mais fácil viajar. A informação que você precisa depende apenas de você querer buscar.

Boas viagens!



TURISMO NO FRIO EM HELSINKI

Algumas pessoas me perguntam sobre turismo em Helsinki na época do frio. Então vou compartilhar a minha experiência e o que penso. Então, talvez fique mais fácil para decidirem quando e o que querem fazer por aqui, salientando, mais uma vez, que é a MINHA visão, experiência e maneira de sentir as coisas. Ok?

Janeiro, fevereiro e começo de março são os períodos mais frios....muito frios! A temperatura fica geralmente entre os -15 e -10 graus podendo chegar a -20 uns três dias ou a -25 algum dia (mas não é normal). Por outro lado, quando se tem dias de sol nesses meses de frio branco, são dias lindos porque tudo está nevado, então a luz do dia fica irradiada e a neve brilha. É lindo demais! Como vcs podem ver em vários posts que escrevi aqui onde inseri muitas fotos.

Não aconselho a quem não gosta absolutamente de frio vir nessa época para turistar, pois exige  passeios expostos na rua a céu aberto. Os países frios têm uma vida diária, na época de frio, mais dedicada a ambientes internos, tipo restaurantes, bares, cinemas, teatros, visitas a casa de amigos, etc. Para nós que vivemos aqui e não vamos turistar, a cidade é perfeita pois os transportes são superorganizados, integrados e bem pontuais e os lugares fechados de frequencia da população tem calefação. Portanto, nesses meses de frio mais intenso usamos camadas de roupas de frio para suportarmos apenas quando estamos nos deslocando.

Se quiserem vir com pacotes de turismo tipo city-tour tudo bem. Os programas são feitos para não expor muito o turista ao frio. Por outro lado, não se conhece de fato a cidade...é tudo muito "en passant".  Os pontos turísticos principais pode-se conhecer nesse "an passant" em um, dois ou três dias, mesmo por conta própria. Como Helsinki não tem os atrativos turísticos de tantas outras cidades européias, o gostoso daqui é a vida diária. Eu gosto de pegar ônibus, bonde, trem ou metrô, andar e conhecer onde vou. De me deslumbrar em descobrir a cidade e simplesmente deixar-me ficar admirando e curtindo em algum local que me encantou de alguma forma.

Estou falando tudo isso porque não sei que tipo de turista você pode ser: se sofisticado, ou se daqueles que apenas "passar" pela cidade já satisfaz, ou dos que gostam de saborear a vida do dia-a-dia das pessoas, dos que gostam de bater-pernas e descobrir cantos e recantos, ou tipo mochileiro, se já conhece esse tipo de frio daqui, etc.

Se vierem com o desejo de turistar "batendo-pernas" na cidade nesses três meses em questão, especialmente janeiro e fevereiro, somente dá para ficar passeando no frio com roupas, acessórios e calçados para lá de quentes e quando não estiver ventando ou chovendo. O vento faz piorar muito a sensação térmica de frio e a chuva, nos lugares onde há muitos passantes, a neve vira gelo. Imagine que o chão todo ou está com neve ou com gelo memso com pedriscas que a prefeitura coloca por cima para não deslizarmos (mesmo assim coloco um adaptador no solado do sapato para criar atrito e não escorregar)...é muito gelado se não estiver bem vestido...os pés são os primeiros a reclamar se se passa muito tempo caminhando sobre a neve/gelo sem sapatos e meia adequados. E acreditem: dor de frio dói demais! Fico preocupada com brasileiros que não estão acostumados com frios intensos.

Mas, por outro lado, se quiserem conhecer a paisagem de uma cidade nevada com uma temperatura em torno de -10 graus a -12 graus e estiverem com roupas, calçados e acessórios adequados, pode-se passear sim e curtir bem. Engraçado que a sensação de frio aqui na relação entre o que o termômetro marca e o que o corpo sente é diferente do Brasil - não sentimos tanto o frio na intensidade que o termômetro marca. Por ex: suporto perfeitamente o frio até -10...consigo passear na rua tipo "turistando" (bem agasalhada, claro). Com frio entre -12 e -15 já fica mais complicado...passar mais de 15 minutos na rua já começa a me incomodar bastante mesmo bem agasalhada.

Bom, sou conhecida por ser muuuuuuito friorenta, e quando vou acompanhar alguém nesses passeios no frio tipo até -12 graus, eu uso umas botas horrorosas, nada femininas, de Gore-tex bem quentes, duas meias quentes, duas leggings bem quentes de fio 80 no mínimo, a calça comprida por cima; uma camiseta quentinha, outra de manga comprida quentinha por cima e outra blusa comum por cima. Mais um casaco de manga comprida de fleece e o casacão por cima (uso um acolchoado grosso que vai quase até o joelho, contra frio), mais echarpe larga de lã grossa (tipo que dá duas a três voltas no pescoço que dê também para cobrir boca e nariz, se necessário), gorro (as orelhas expostas ao frio não aguentam - podem acreditar) e luvas grossas com a parte interna de lã. As luvas e os sapatos devem ser um pouquinho só mais frouxos para que o ar possa circular internamente e assim manter o calor.

Ficam aí as dicas!

O próximo post será sobre dicas de viagens imperdíveis para quem vem à Finlândia. Infelizmente viajar dentro da Finlândia é muuuuito caro, e por isso, optei por conhecer outros países aqui mais próximos e que fica bem mais barato. Por isso, ainda não tenho referências pessoais de viagem às mais importantes cidades finlandesas.

LIVRO DE FINLANDÊS

Olá pessoal!

Estou escrevendo um livro de finlandês para falantes de português. Como sou um pessoa organizada e venho compilando todo o material de estudo vai ficar um trabalho final bem bacana, com regras de gramática que é a parte mais espalhada de informações que existe até hoje, dicas e textos de conversação, dicionário de palavras básicas, frases mais usadas, informações diversas, etc.

Eu havia compartilhado aqui, para os que estavam estudando finlandês e não tinham material, uma planilha com muitos desses meus apontamentos que eu tinha organizado, e percebi que algumas pessoas o estavam querendo com outras intenções. Infelizmente há muitas pessoas de má fé, pois não custava nada propor uma parceria ou mesmo propor os devidos créditos de direito. Por isso, tive que excluir o compartilhamento.

Uma exceção foi a Grazi que combinamos uma parceria juntando nossos materiais para a publicação do livro. Enviei a ela algumas de minhas planilhas e o que eu já tinha do livro feito, começamos a colocar as idéias do que queríamos por email...enfim eu estava numa animação! Infelizmente, ela teve que desistir do projeto do livro por problemas pessoais. Sinceramente, espero que ela consiga resolver seus problemas e retomemos o assunto. De qualquer modo, vou seguindo agora com o projeto sozinha. Estou bem ansiosa e desejosa de que fique um livro bacana e superútil para a apendizagem desse idioma que não é nada fácil e em quase nada se parece com o nosso.

Um grande abraço!

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

FORRÓ FINLANDÊS

Não sou lá muito fã de forró, exceto aqueles genuínos "pé de serra", mas eu tenho que compartilhar com vocês essa preciosidade: forró finlandês em finlandês. Para quem curte:




terça-feira, 26 de julho de 2011

UM DE MEUS SONHOS

Um de meus sonhos é ver a Aurora Boreal ao vivo, a cores, na magia das terras nórdicas além do círculo polar ártico...um sonho até que não tão distante assim.

Enquanto não concretizo, continuo sonhando...





domingo, 24 de julho de 2011

Sobre a intolerância

Desculpem amigos leitores, mas vou fugir um pouco do objetivo principal do blog e dar espaço a um profundo sentimento de tristeza pelo que aconteceu às mais de noventa pessoas...que são muito mais que números...eram pessoas cada uma com suas histórias de vida, seus sonhos, com toda uma vida pela frente (a maioria eram jovens entre 14 e 17 anos), mortos apenas por uma pessoa que se perdeu do sentido da vida e enveredou pelo radicalismo e intolerância.  E penso nos milhares de brasileiros que morrem por motivos materiais, egoístas, individualistas, sem falar nas malditas drogas que roubam a rica essência da pessoa. Sinto os milhões que passam fome, sem falar nos que morrem por não ter o que comer enquanto outros esbanjam, desperdiçam e se preocupam com coisas fúteis e sem sentido a vida toda, coisas que não dão vida, apenas maqueiam.

Então compartilho com os noruegueses a tristeza da brutalidade vivida por causa da intolerância e egoísmo na última sexta-feira...símbolo do que vivemos no Brasil todos os dias, com as minhas preces de que cada um possa se tornar um ser humano cada vez mais compassivo e cuidar da vida.

Quem desejar juntar-se à rede  pela não-violência e solidariedade aos noruegueses: http://www.vg.no/nyheter/innenriks/oslobomben/lenke.php#lang=pt (Kiitos Marko!)

Sobre a tolerância:
(Fonte: http://www.viverconsciente.com/textos/seis_perfeicoes_2.htm)

A tolerância é a capacidade de receber, aceitar e transformar as coisas.
Se pegarmos um punhado de sal e colocarmos em uma tigela com água, a água ficará salgada demais para beber. Mas a mesma quantidade de sal colocada em um grande rio não afetará sua água, e as pessoas ainda poderão bebê-la (lembrem-se de que esse ensinamento foi dado há 2.600 anos, quando ainda era possível beber água dos rios!). Devido à sua imensidão, o rio tem a capacidade de receber e transformar. O rio não sofre por causa de um punhado de sal.
Então, se o seu coração for pequeno, uma palavra ou ação injusta fará você sofrer, mas se o coração for grande, e se tiver compreensão e compaixão, a palavra ou ação injusta não terá o poder de lhe causar sofrimento, porque você terá a capacidade de receber, aceitar e transformar rapidamente. O que conta aqui é a sua capacidade. Para poder transformar o sofrimento, o coração precisa ser grande como um oceano. Outra pessoa talvez sofra, mas se um bodhisattva ouvir as mesmas palavras desagradáveis não sofrerá. Tudo depende da forma de receber, aceitar e transformar. Se você guardar uma dor por muito tempo, é porque ainda não aprendeu a prática da tolerância.

sexta-feira, 22 de julho de 2011

O QUE VER: LAGO SAIMAA

Para quem adora natureza, paz e belíssimas paisagens naturais...

Saimaa é o maior lago da Finlândia e o quarto maior da Europa (No mapa marcado pelo "A"). Está localizado no sudoeste do país, tem aproximadamente 4.400 quilômetros quadrados e foi formado pelo derretimento do gelo na Era Glacial.

    FONTE: Google Maps
 O lago grande que se vê no mapa é o Ladoga que fica na Rússia.

Conhecendo um pouqinho do Lago Saimaa:
Parte 1


Parte 2:

quinta-feira, 3 de março de 2011

Neve e mais neve....

Encontrei esse vídeo que, embora americano, mostra o que acontece por aqui no inverno em dias de muita neve rsrsrsrsrs






terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

UM VELHO-NOVO MOVIMENTO

Olá a todos, queridas pessoas que compartilharam comigo um pouco dessas muitas histórias e informações sobre este país de 180 mil lagos e suas belas florestas, de belas quatro estações do ano, de nove meses de frio gestacionais de vida e calor, do Papai Noel e seus tonttujen jouluyö, dos belos revontulet (que ainda não vi...ainda!), da boa qualidade de vida, da neve mágica que cai serena ou levada por ventos enfurecidos, das camadas e mais camadas de roupas, de língua difícil, de povo que busca manter suas origens e cultura em meio a tanta globalização, da liberdade (respeitada), da inclusão, da igualdade, de jovens, de suas multicores e diferentes flores, de seus animais exóticos, de vida que ressurge depois de cada inverno, das temperaturas abaixo de zero (essas últimas semanas entre -15 e -23ºC), de tantas coisas diferentes do que já vivi até hoje...

É...esse é um tom meio que saudosista mesmo. Sinto que o que eu tinha me colocado como objetivo quando criei esse blog, já está para lá de realizado, que era poder compartilhar em um mesmo lugar informações e curiosidades sobre a Finlândia, em português, já que muitos de nós brasileiros não tivemos esse privilégio educacional daqui de se sair do secundário com quatro línguas pelo menos.

Portanto, tudo que aqui coloquei no blog foi para o mundo, sem retorno, e tomara que tenha levado alegria, esperanças, novas idéias...

Tudo na vida são fases e tudo tem seu tempo. Agora vou me dedicar, retomar, o blog Cultura Biocêntrica que eu havia criado bem antes desta minha revirada de rumos vindo parar na Finlândia e num outro projeto que quando estiver pronto vocês saberão. Por enquanto, o Cultura Biocêntrica (www.biodanca.blogspot.com) tem mais a ver no momento com meus ideais de vida.

Aqui e acolá continuarei postando aqui, mas não com a mesma frequência de antes. Nada na vida é definitivo...nada é para sempre do mesmo jeito.

Um abraço com carinho em cada um/uma.

Irene










quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

ONNISTAMO 2011 - NEGÓCIOS SOCIAIS NA FINLÂNDIA

  Para quem está em Helsinki esta semana e se interessar pelo assunto, vale participar:

ONNISTAMO 2011- uma (des)conferência sobre negócios sociais que acontecerá nos dias 11, 12 e 13 deste mês (neste final de semana).

Trata-se de um evento que tem como objetivo promover os negócios sociais na Finlândia. Será bilíngue (inglês e finlandês) e dividido em duas partes:
- a primeira será uma conferência na sexta-feira, dia11, num formato mais convencional e contará com a presença da Ministra do Trabalho da Finlândia, Anni Sinnemäki, que encabeçará um painel político para discussão da agenda governamental no tema.
- na segunda parte acontecerá uma "desconferência": simpósio em formato aberto, onde as sessões são sugeridas e conduzidas pelos próprios participantes, a fim de gerar discussões mais participativas em vez da enfadonha relação professor-aluno de uma conferência tradicional.

Para mais informações sobre o evento, visitem o site: www.onnistamo2011.org/en/ e sigam-no no Twitter: @onnistamo2011.

Quem se interessa pelo assunto de negócios sociais e quiser saber mais sobre o tema, siga o Cassiano no Twitter...lá ele está ativamente divulgando artigos sobre o tema: @CassianoMecchi

Divulgue o evento aos conhecidos aqui na Finlândia!
__________
FONTE: http://cassiano.livejournal.com/20441.html

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

HELSINKI - EXEMPLO DE ESTRATÉGIA EM MEIO A MUITA NEVE

Olá pessoal!

Hoje vou falar a respeito de uma reportagem que li sobre como os gestores de Helsinki estabelecem estratégias eficazes e bem sucedidas na batalha 24 horas por quantos dias forem necessários para se deixar a cidade funcionando plenamente em meio a neve, e mais neve, e mais neve que cai sobre a cidade, em geral, de dezembro a abril.

Já tentei em outros posts falar um pouco sobre esse assunto que realmente é um trabalho impressionante e admirável pela organização e eficiência. Claro que não se retira tooooooda a neve, apenas o necessário para que a vida urbana siga dentro de uma normalidade possível.

Desses trabalhos o que mais me impressionou foi o que se mantém no aeroporto. O aeroporto conta com dois terminais, muitos gates (portões) e tem uma movimentação bastante intensa. E como é que os aviões pousam e decolam um após outro em meio a tanta neve? Os aeroportos de Heathrow (Inglaterra) e Frankfurt (Alemanha) por várias vezes fecharam por causa de muitas neve. Aqui neva muuuuuuuito mais, mas não se sofre os mesmos transtornos que aqueles. O motivo? Uma bem elaborada logística com um batalhão de máquinas, tratores e caminhões que ficam todo o tempo cuidando das pistas de decolagem e aterrisagem. Quando fui para o Brasil agora em dezembro foi que vi uma procissão de máquinas nas pistas para lá e para cá nos intervalos de decolagem e aterrisagem. Fiquei muuuuito impressionada com a logística e o custo de se manter o aeroporto em sua capacidade plena. E a cidade também. Mais uma que tiro o chapéu para este povo determinado.
As imagens por si só já dizem muito. Nossa! E como dizem!!!



ISSO TAMBÉM PASSA



Essa é uma frase que sempre me acompanha na vida e a ensinei a meus filhos. Quero compartilhar com vocês, pois me ajuda muito a sempre buscar o equilíbrio do meio do caminho. Na vida, sejam coisas ruins ou coisas boas, tudo passa. O importante é como você passa por elas.

Certo dia um sacerdote percebeu a seguinte frase em um pergaminho pendurada aos pés da cama de seu mestre: "ISSO TAMBÉM PASSA", e com a curiosidade inerente de cada ser humano resolveu perguntar:

Mestre, o que significa essa frase em cima de sua cama dizendo "ISSO TAMBÉM PASSA"?

E o mestre sem titubear lhe responde: A vida nos prega muitas peças, que podem ser boas ou não tão boas assim, mas tudo significa aprendizado. Recebi esta mensagem num desses momentos de dor onde quase perdi a fé.

Ela é para que todos os dias antes de me levantar e de me deitar possa ler e refletir, para que quando tiver um problema, antes de me lamentar eu possa me lembrar que "ISSO TAMBÉM PASSA", e para quando estiver exaltado de alegria, que tenha moderação e possa encontrar o equilíbrio, pois "ISSO TAMBÉM PASSA". 

Tudo na vida é passageiro assim como a própria vida, tanto as tristezas como também as alegrias, praticar a paciência e perseverar no bem e nas boas ações, ter simplicidade, fé e pensamentos positivos mesmo perante as mais difíceis situações é saber viver e fazer da nossa vida um constante aprendizado.

É ter a consciência de que todas as pessoas erram, de que o ser humano ainda é um ser imperfeito em busca da perfeição e por isso ainda sofre, é saber que se muitas vezes nos decepcionamos com pessoas é porque esperamos mais do que elas estão preparadas para dar, dentro de seu contexto e grau de compreensão. Deste modo meu amigo, toda vez que olho para essa frase, meu coração se aquieta e a paz me invade, pois sei que "ISSO TAMBÉM PASSA".


Recebi por e-mail

Texto atribuído a Val Sliepen

quarta-feira, 19 de janeiro de 2011

DESCULPEM...ESTAVA DE FÉRIAS!

Olá pessoal!
Cá estou de volta depois de me reenergizar muito de geeeeeeeeente nas férias que passei no Brasil.
Nossa que falta faz família e amigos carinhosos e cuidadores!

Que todos vocês tenham um novo ano muito feliz, de muitos bons sonhos realizados com alegria, saúde e amor!

Onnellista Uutta Vuotta kaikille!!






sábado, 11 de dezembro de 2010

AS FACETAS DE UMA CIDADE SOB NEVE

Oficialmente ainda não começou o inverno. Este ano inicia em 21 de dezembro às 23:38hs. Mas a natureza não quer saber de nossas oficialidades e regras e o inverno de fato já começou.

O entardecer aqui na Finlândia com céu limpo é muito bonito. Sempre de muitas cores rosáceas amareladas e avermelhadas. E o entardecer é mais longo por causa da nossa posição em relação ao sol. Então, esta amante da natureza aqui, só tem a agradecer à Vida.

O sol está nascendo em torno das 9:15h e se pondo em torno das 15:15h. Tirei uma foto ontem do sol se pondo, a primeira abaixo, e foi tirada às 15:15hs. Acho lindo o sol de meio-dia rondando próximo ao  horizonte, tímido. O dia está bem curtinho - apenas seis horas. Como eu sou muito Perséfone, isso não me incomoda nem um pouco. Muito ao contrário, acho interessante. Mesmo porque é um acontecimento dinâmico: depois do dia 21 próximo (começo do inverno oficial) os dias começam a encompridar-se de novo até mais ou menos no meu aniversário em 23 de junho - hyvää! Minun syntymäpäivä on tosi valoisa!

Nesses últimos dias tem nevado demais. Em um único dia nesta semana nevou mais de meio metro. Como vocês sabem, para mim o cair da neve é lindo...mágico. Adoro! A cidade toda nevada em dias de sol é belíssimo. Muito frio em dias de sol é maravilhoso. O ruim são os dias muito nublados, mesmo assim, sempre procuro ver e sentir a profundidade da natureza em ação...faz parte da vida! Não dá para querermos sempre estar vivenciando o que há de bom. Até porque cairia na rotina e as coisas boas perderiam sua importância...a vida seria monótona e sem graça. Ainda bem que é dinâmica e esse seu movimento nos permite valorizar o que gostamos quando podemos, sentir prazer, alegria e felicidade em momentos que nos fazem bem e até mesmo, aprender a desenvolver uma visão mais positiva sobre coisas que de alguma forma nos incomoda. Claro que em situações extremas isso se torna praticamente impossível para nós seres mortais normais - eu.

Esse é o meu sentimento hoje, admirando a neve caindo através desta enorme janela à minha frente, enquanto escrevo. E separando algumas fotos que tirei esta semana para mostrar a vocês como uma cidade sujeita a uma quantidade grande de neve sobrevive, se mobiliza, trabalha e tudo funciona. De madrugada, centenas de trabalhadores em seus tratores vão às estradas, avenidas, ruas, caminhos, passagens e calçadas, liberar caminhos para que, ao amanhecer, a vida das pessoas prossiga dentro de uma normalidade possível. A quantidade de neve agora sobre a cidade é muito grande. Então a neve á apenas afastada dos caminhos. Em situações complicadas é que é retirada. Mesmo porque vai continuar nevando ainda por um bom tempo. Afinal, o inverno está apenas começando!

Vejam e imaginem:




























Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...